sexta-feira, 14 de maio de 2010

Deixei de acreditar que o que sempre foi, mude algum dia
Deixei de acreditar que a minha sanidade mental é imutável
Deixei de acreditar na minha memória
Deixei de acreditar que consigo sempre conter as lágrimas
Deixei de acreditar no romantismo
Deixei de acreditar nos contos de fadas
Deixei de acreditar no meu país
Deixei de acreditar nas amizades para toda a vida
Deixei de acreditar na incorrupção
Deixei de acreditar que o atingimento dos meus objectivos depende só de mim
Deixei de acreditar que hoje é melhor que ontem e que amanhã será melhor que hoje
Deixei de acreditar que o feio se pode tornar bonito
Deixei de acreditar na religião
Deixei de acreditar que o trabalho dignifica
Deixei de acreditar no altruísmo
Deixei de acreditar nas certezas absolutas
Deixei de acreditar naquilo em que sempre acreditei!

Hoje deu-me para aqui!
Pode ser que um dia a minha opinião mude.

2 comentários:

Moonlight disse...

Há dias assim! Hoje também não estou muito de crenças! Mas fazes-me tantas vezes acreditar que vale a pena Amiga! Por isso sei que vais voltar a acreditar também!

Eu Acredito em ti!

Beijos mil!

Eu disse...

Não desista de ser feliz.